Refluxo nunca mais!

Mais um post sobre as aventuras da maternidade…

Refluxo. Já ouviram falar sobre essa doença? Pois é… meu bebê nasceu com refluxo. Já na primeira noite de vida, durante a madrugada, acordei para olhar a Isabela. Percebi que havia algo errado, pois ela estava ficando roxa e fazia movimentos de choro com a boca, mas não saia som algum. Ela já estava completamente sem ar… foi uma loucura!

Daí em diante foram dias e noites sem dormir, vigiando o sono dela, com medo de que engasgasse sem que eu visse. E aconteceu mais quatro vezes durante as madrugada seguintes. Eu a socorri em todas as vezes porque estava acordada olhando para ela fixamente. Houve uma vez que tivemos que levá-la correndo à clínica para fazerem aspiração com sonda.

Liguei para vários médicos na minha cidade e só conseguia marcar consulta para datas distantes. Mas a situação era de emergência. Afinal, eu não sabia do que se tratava, não sabíamos a causa de tantos engasgos e do choro desesperado dela. Até que encontrei um pediatra abençoado que nos atendeu super bem, deu o diagnóstico correto e como devíamos tratar o refluxo .

Era necessário medicar o bebê com remédios fortes que a deixavam ainda mais irritada e alterava o sono dela. Além disso, era preciso colocar a Isabela para dormir totalmente reclinada, dar pouquíssima quantidade de leite e ficar com ela de pé por 30 minutos depois de cada mamada. E eu sofria vendo minha filha magrinha e frágil… Quem vivenciou ter um bebê com refluxo, sabe do que estou falando.

Eu tinha duas opções: a primeira era esperar o sistema digestivo dela se desenvolver completamente e aguardar que a cura viesse naturalmente aos 03, 06, 09 meses, 01 ano de vida, sei lá… A outra opção era pedir a Deus que a curasse  imediatamente. Optei pela segunda.

Em meio à minha agitação característica, resolvi parar. Tranquei a porta do meu quarto  e busquei socorro no Médico dos médicos. Ele estava bem ali, do meu lado, o tempo todo. Antes de começar a falar com Ele, deitei a bebê na cama e expliquei para ela direitinho quem era Ele, o que fez por amor a ela e do que poderia fazer por meio da FÉ.  Foi a primeira vez que a Isabela ouviu falar de Deus fora da minha barriga…

Naquele momento, eu não questionei a Deus porque ela havia nascido com refluxo e blá, blá, blá, mas simplesmente pedi que Ele a curasse. E tive fé. Toda fé que o coração de mãe é capaz de sentir. Enquanto tocava a música “Caminho de Milagres” de Aline Barros eu comecei a chorar e agradecer. Saí dali espalhando aos quatro ventos que a Isabela estava curada. (A fé precisa ser exercitada com atitudes).

O que eu senti naquele quarto, naquela noite…não tem como explicar. Só posso dizer que o Médico dos médicos nos visitou e CUROU a minha filha para sempre. Suspendi os remédios, comuniquei ao pediatra minha decisão e expliquei para ele o que havia acontecido. Ele entendeu e respeitou .

Esse post é para testemunhar do imensurável amor do Pai e para dizer a todos que Deus cura. É claro que existe a vontade de Deus, situações que Ele permite com propósitos e objetivos. Mas creio que a oração com fé, pode mover o coração de Deus a nosso favor.

A Ele toda honra e glória.

Paz.

Camila Vaz

Anúncios

8 comentários sobre “Refluxo nunca mais!

  1. milagres extraordinários!!!esse é o nosso Deus.
    eu e o francisco fomos edificados hj quando lemos esse testemunho.
    que DEus possa continuar falando através da sua vida!!!
    bjs.

    Curtir

  2. Nossa isso caiu como uma luva… Estava precisando ler este depoimento. Na noite passada tive essa reação durante uma crise de refluxo no meu bebê de 3 meses. Entreguei completamente a Deus todo aquele sofrimento, meu e do meu filho e pedi a cura de todos aqueles sintomas. Creio que hoje a noite será diferente. Amém!

    Curtir

  3. Boa noite Camila, não sei se vai ler esse recado agora depois de tanto tempo de postagem.. Mas eu precisava deixar um recado te agradecendo por postar esse texto. Obrigada obrigada obrigada! Estou até agora com lagras escorrendo, me emocionei muito, estou passando por isso agora, e vou fazer como vc, ter fé. Deus te abençoe querida!

    Curtir

  4. Eu creio nesse Deus vivo, que cura, salva e liberta.
    Que mãe guerreira, que buscou o médico dos médicos, usou a fé, e hoje com a glória de Deus, a filhinha está curada…
    Toda honra e glória seja dada ao Senhor.
    Devemos sim, anunciar as boa novas de Cristo, que ele está vivo e operando sempre em nossas vidas.
    Foi um milagre maravilhoso.
    Bjs
    Ju
    http://www.maesemfronteiras.com.br/

    Curtir

Compartilhe, multiplique, comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s