É melhor prevenir…

acidentes-domesticos

Quem nunca presenciou um acidente doméstico com uma criança?

“Estudos mostram que a cada cinco minutos uma criança é vítima de acidente no Brasil e é dentro de casa que elas mais se machucam.”

Quedas, afogamentos, intoxicação, sufocamento ao engolir pequenos objetos, etc, podem ser evitados com prevenção, atenção e cuidado dobrado.

Os pais e membros da família devem ter consciência que a chegada de um bebê altera não somente a rotina, mas todo o ambiente doméstico.

Deve-se avaliar os riscos, retirar objetos perigosos do alcance e trocá-los de lugar. Isolar tomadas, guardar remédios em lugar seguro, proteger as janelas com grades/telas são algumas das atitudes preventivas que evitam acidentes, garantem o bem-estar da criança e a traquilidade dos papais.

Lembre-se que acidentes domésticos podem acontecer com qualquer criança, em qualquer casa, em qualquer lugar do mundo! Basta um vacilo e pronto!

Papais e mamães, fiquem ligados!

Avaliem os riscos e previnam-se porque como diz o ditado: “é melhor prevenir do que remediar.”

Pensando nisso, resolvi postar umas dicas sobre segurança para bebês e crianças e lembrá-los que JAMAIS  devemos subestimar a possibilidade de acidentes domésticos. Por isso, TODO CUIDADO AINDA É POUCO

 Seguem alguns riscos comuns de acordo com a idade da criança.

530310_529062060452405_491400551_n

Então, para evitar que esses riscos se tornem fatos consumados, vamos as dicas se segurança:

(Fonte: mulher.terra.com.br)

1. Instale grades ou redes de proteção nas janelas, sacadas e mezaninos.

2. Não deixe cadeiras, camas e bancos perto de janelas, pois as crianças podem escalar e se debruçar. O mesmo vale para móveis baixos perto de estantes e armários altos.

3. Instale portões de segurança no topo e pé das escadas. Se a escada for aberta, opte por redes ao longo dela.

4. Cuidado com chão liso e tapetes. Não encere o piso e providencie antiderrapantes nos tapetes para evitar escorregões. 

5. Oriente seu filho a brincar em locais seguros. Escadas, sacadas e lajes não são espaços de lazer.

6. Crianças com menos de 6 anos não devem dormir em beliches. Se não houver outro local, instale grades de proteção nas laterais.

7. O uso de andadores não é recomendado pela Sociedade Brasileira de Pediatria, pois pode comprometer o desenvolvimento e causar sérias quedas.

8. Quando for trocar fralda, mantenha sempre uma mão segurando o bebê. Nunca deixe um bebê sozinho em mesas, cama e outros móveis, mesmo que seja por um instante.

9. Proteja as tomadas com protetores específicos.

10. Não deixe o ferro de passar quente ao alcance da criança, mesmo que esteja desligado.

11. Os cabos das panelas devem ficar virados para dentro do fogão.

12. Use protetores nas portas para evitar que a criança prenda a mão ou dedos.

13. Para uma criança se afogar, bastam 2,5 cm de profundidade. Cuidado, portanto, com água em baldes e tanques, além de vasos sanitários e piscinas sem proteção adequada.

14. Teste a temperatura de alimentos líquidos e sólidos antes de oferecer à criança.

15. Antes do banho, teste a temperatura da água da banheira com a parte interna do cotovelo.

16. Nunca deixe remédios ao alcance das crianças, nem faça associação de medicamentos com balas e doces.

17. Não coloque produtos de limpeza em embalagens de alimentos e refrigerantes. A criança pode confundir e ingerir. Evite também deixá-los na parte de baixo de pias e armários.

Bjs

Camila Vaz

@milacostavaz

Anúncios

Um comentário sobre “É melhor prevenir…

Compartilhe, multiplique, comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s