Bonita, eu?

1366652148629

Esse post não é para falar o quanto podemos ser lindas, não contém dicas de maquiagem ou dieta, muito menos o passo-a-passo para conquistar o corpo dos seus sonhos! Porque tudo isso dá pra fazer com disciplina, esforço e um pouco de dinheiro no bolso!

A questão aqui é uma reflexão sobre a forma como nos vemos. Isso vai muito além de um cabelo escovado, uma roupa linda e unhas feitas todas as semanas no salão. Trata-se de um desabafo de uma mãe de dois bebês, cansada, exausta, sem tempo para se cuidar, para comprar roupa, para ir ao salão.

De repente me olhei no espelho e só vi a Camila mãe. Ok! Dois filhos que  trouxeram mais luz, mais alegria e  mais beleza para minha vida. Mas não foi bem assim com o meu corpo.

E ultimamente tenho me questionado sobre minha aparência depois do meu segundo filho. E Deus, que cuida de nós nos mínimos detalhes, me permitiu uma experiência interessante essa semana.

Um amigo me enviou o vídeo que está no final da postagem que me tocou profundamente.

Talvez tenha sido por acaso ou talvez as pessoas já estejam percebendo o quanto ando me escondendo por trás de roupas largas, envergonhada pelos seios enormes (cheios de leite), com os cabelos sempre presos em coques mal-feitos e uma coleção de roupas escuras para esconder a barriga que ainda não voltou para o lugar e as gordurinhas extras.

Claro que nem toda mulher fica assim depois do parto. Mas eu fiquei. Depois de dois partos no período de dois anos.

Também não aguento mais dar justificativas se a alimentação foi saudável ou não, se é genético, se amamentar emagrece ou não, me pesar toda a semana, etc…

Esse vídeo (que me fez chorar!), me fez  simplesmente refletir se o que eu sou por dentro está refletindo por fora. Isso vai muito além dos padrões de beleza que a sociedade impõe para nós mulheres.

Hoje eu avaliei a minha vida, minha trajetória de (quase) 30 anos (rs) e pensei em todas as coisas boas que Deus tem me proporcionado. Pensei nos meus filhos, que são a minha vida. A realização de um sonho que eu sonhei intensamente. No marido que Ele me deu, na profissão digna e bonita que eu escolhi, nos pais e sogros maravilhosos que eu tenho, no suporte que tenho Dele a cada amanhecer e pensei: Isso tudo está dentro de mim! Os princípios, os valores que aprendi, o amor a Deus e a vontade de fazer o bem. Essa sim é a minha beleza natural!

Eu cheguei a conclusão de que preciso expor essa beleza interior através dos meus gestos, do meu sorriso, do brilho nos meus olhos, das palavras que saem dos meus lábios e das ações das minhas mãos. Talvez assim eu me sinta melhor.

É claro que cuidados e um pouco de vaidade fazem  bem para qualquer mulher. Já comecei a dietinha agora que o bebê está experimentando outros alimentos e estou fazendo as pazes com o secador, a chapinha e a manicure!

Mas para mim, no momento, era necessário mais do que isso. Estava difícil me esforçar todos os dias para não deixar a ditadura da beleza imposta pela sociedade, menosprezar a minha beleza substancial.

Hoje, me dei conta de talvez eu não esteja refletindo o que há no meu interior. Hoje eu me vi além das olheiras, do cansaço e das unhas sem esmaltes. Eu eu encontrei a Camila mulher, esposa, profissional que mora dentro de mim.

Hoje eu me vi além das roupas e do espelho que mostra minhas ” imperfeições.” Hoje eu me vi por dentro e decidi que minha felicidade deve resplandecer por fora também.

É claro que tudo é uma fase e tudo passa. No meu caso só está passando agora.

Oi, eu sou a Camila (de novo)! Muito prazer…

Camila Vaz

Anúncios

17 comentários sobre “Bonita, eu?

  1. Camila, que lindo este vídeo!
    A nossa essência, o nosso interior é muito mais importante que o exterior, e a forma como nos enxergamos tem papel fundamental na nossa vida. Amei seu texto, sua reflexão me fez refletir também.
    Um beijo e bem vinda antiga nova Camila 🙂

    Curtir

  2. Camila, já tinha visto esse vídeo e realmente ele é um tapa (com luva de pelica, mas um tapa), na cara de todas nós. Também sou como você, sem tempo pra manicure, cabeleireiro, enfim, sem tempo nenhum pra mim mesma. E isso vai aos poucos nos afastando da mulher que realmente somos, além da mãe.
    De qualquer forma, o vídeo nos faz refletir…e que bom saber que somos mais bonitas do que achamos que somos…rs
    Beijo
    Mari
    #recantocomenta
    http://caderninhodamamae.blogspot.com.br/

    Curtir

  3. Camila, eu me emocionei demais com o video…sou extremamente crítica comigo mesma. Acho bacana você estar se reencontrando, mas, por experiência própria, não se cobre tanto. Faça o que te deixa feliz e a beleza é só consequencia. 2 bebês é uma responsabilidade e tanto, portanto, nada mais compreensível do que você ter aberto mão da vaidade em prol da maternidade. Faz parte. Devagar e sempre, chega-se lá! Beijos!!

    Curtir

  4. Adorei o texto, como disse temos que nos cuidar e nos amar… Estou precisando frorescer de novo, me olho no espelho e só me vejo mãe, amo isso, mais gostaria de estar com a aparência melhor… Boa reflexão. Bjs
    Vivi e Isaac
    #recantocomenta

    Curtir

  5. Fiquei curiosa para ver esse vídeo, aqui na empresa não é possível, mas chegando em casa já vou olhar. Mas suas palavras foram muito boas, também andava com a autoestima meio baixa pelos mesmos motivos que você, mas é isso aí, vamos olhar para dentro de nós, temos tantos valores e uma beleza tamanha, que não podemos nos abater por estes padrões de beleza da sociedade.
    Somos bela, somos a menina dos olhos do Senhor.

    Beijos
    Quézia Silva
    http://kemuelpresentededeus.blogspot.com.br/

    Curtir

Compartilhe, multiplique, comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s