Medos de mãe

mulher no balanço

Quando a gente ama muito uma pessoa é normal sentir medo de perdê-la ou medo de que algo de ruim aconteça com ela. 

A maternidade trouxe consigo o medo inerente a todo este amor intenso e sobrenatural. 

Medo de cair, de adoecer, de se perderem de mim.

Medo de fracassar, de não conseguir, de me arrepender…uma lista sem fim.

Entre os muitos desafios que tive que enfrentar (e ainda tenho) é superar os medos e viver plenamente cada momento.

O medo não pode nos paralisar. Nem paralisar a pessoa que amamos. 

O medo não pode cortar as asas. Nem pode conduzir o vôo.

Talvez alguns dos meus medos tenham se amplificado diante de dois fatos que aconteceram comigo e com meus filhos: primeiro, um engasgo sério com a Isabela e depois, uma tentativa de assalto comigo e com o Isaque. Ambos, superados. Porém, com marcas.

Mas eEm Deus, tenho aprendido que o perfeito amor lança fora todo medo.

Nele, aprendo a viver cada dia juntos com meus filhos em gratidão.

Com Ele, aprendo que eu só preciso fazer a minha parte, que Ele faz a Dele.

Porque meus filhos são Dele, por Ele e para Ele.

Então não há o que temer.

Lance seus medos aos pés de Jesus.

Ele os transformará em ânimo e coragem para enfrentar os desafios diariamente.

Com amor,

Camila Vaz

No amor não há temor, antes o perfeito amor lança fora o temor; porque o temor tem consigo a pena, e o que teme não é perfeito em amor. 1 João 4:18

Anúncios

3 comentários sobre “Medos de mãe

  1. Camila, que texto verdadeiro!
    Depois que perdi a minha mãe que teve câncer e 2 anos após, de acidente o meu pai, comecei a sentir muito medo de perder minha filha e meu marido.
    Do nada eu tinha medo de sair ao entardecer de carro e ao parar ao parar acontecer algum assalto, ou sequestro… sei lá… medo de acontecer algo ruim com a minha filha, ou esposo.

    Eu estava paralisando… me sentia assim, mas percebi em tempo e assim como você fez eu também fiz… lancei aos pés do Senhor todo o medo que eu estava sentindo. Ele queria me paralisar, mas graças a Deus que o Espírito Santo trabalhou muito no meu coração e quando eu decidi entregar nas mãos do Senhor todo o medo, e confiar plenamente que Ele está cuidando de mim e da minha família, independente do que aconteça, eu tive vitória.

    Hoje posso dizer que tenho paz com relação a tudo, pois se algo acontecer que eu não possa evitar, o Senhor que é o nosso amoroso Deus, estará no controle e fortalecerá o meu coração.

    É incrível passar aqui e ver nas tuas palavras algo que eu também senti. Pode ter sido por situações diferentes, mas é com certeza o mesmo tipo de medo.

    Beijos querida e continua na paz que só o nosso soberano Deus pode dar.

    Curtir

    • Oi Cida, que tremendo isso! Realmente precisamos lutar para o medo não nos dominar. Mas sozinhas não conseguimos. Ainda bem que temos Aquele que nos encoraja só nosso lado. Bjs

      Curtir

  2. Ah Cami, eu não tinha muitos medos, até o momento em que descobri que eu tinha um pequeno ser que dependia de mim. Não vou omitir, já perdi muitas vezes o sono pensando em coisas terríveis que poderia acontecer comigo e, pior do que isso, o que aconteceria comigo se algo acontecesse com ela. Sofro muito, choro, me sinto presa e de mãos atadas, peço à Deus que não apenas tire de mim esse medo, esses pensamentos como também não permita nada de ruim.

    Imagino que momentos como os vividos por você realmente tenha feito tudo ficar mais intenso, mas graças a Deus superado.

    Beijos,
    Te espero no blog Mamãe de Salto

    Curtir

Compartilhe, multiplique, comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s